Eu nunca entendi resenha de perfume em blog até ontem. Participei de um jantar da Natura com mais algumas (muitas) blogueiras de BH, que foi uma verdadeira aula de sentidos. Tive a oportunidade de conhecer e conversar com a perfumista exclusiva da marca e entender um pouco mais sobre perfumes, cheiros, sensações e referências. Não dá pra sentir o cheiro do perfume por aqui, mas dá pra imaginar, de acordo com a descrição, ativando a memória olfativa. 😉
Mas por que estou falando do perfume de uma marca e citando outra? Porque eu não fui paga pra citar nenhuma das duas e eu posso fazer esse post como bem entender. Han! (Ai que brava!)
O perfume Uma ovelha pra lá de negra da [quem disse, berenice?] foi um dos mimos do evento de apresentação da marca aqui em BH. Antes mesmo de sentir o aroma desse bendito, já estava encantada. O nome fofo (que tem tudo a ver comigo) e a embalagem preta e glitter dourado me conquistou na hora. Trata-se de um perfume floral amadeirado. O cheiro é marcante e suave ao mesmo tempo, nada enjoativo e pode ser usado pela mais fresca das pessoas (eu sou muito chata com cheiro e amei!).
O aroma mistura flor de neroli, rosas, pimenta, bergamota, mandarina, íris, cedro e sândalo. Achei a fixação razoável. No fim do dia está beeem suave, mas notável. 
E a quem interessar, o perfume com 75ml custa 69 dinheiros. É uma ótima opção de presente. A gente é ou sempre tem uma amiga ovelha negra. 😀
Obrigada por adicionar este post ao seu feed. 😉